Mails para a minha Irmã

"Era uma vez um jovem vigoroso, com a alma espantada todos os dias com cada dia."

Golden Gate

2 comentários

Golden Gate

Fundido está o ferro.
Desenhado está o portão.
Abre e fecha sem erro
Por dextra ou sinistra mão.
Torcido está o ferro,
Construída a gaiola,
Para sua ave canora e cativa.
Se a dourada prisão
É feia ou bonita,
Isso,
Depende da perspetiva.
Quer sair a ave
Que agora presa está.
Desespera com o cativeiro
E anseia a liberdade
Porque não sabe
O que esta lhe trará.
Liberta-se e voa
À procura da sua sorte
E a única que encontra
É um jogo soturno e frio
Cujo vencedor é sempre a morte.
Em fome e perigo
Passa por ali outra ave,
De asa abatida e torta.
Entra na gaiola
E fecha, por dentro, a porta.
Por insegura se sentir,
Na gaiola se escondeu,
Faltou-lhe a liberdade,
E por isso morreu.

Vieste até mim,
Trazias uma lágrima sentida,
E disseste, enfim,
Porque tinhas a alma perdida.
És libertina e canora,
Irradias, dentro da tua gaiola
A luz que levaste cá de fora.
É curiosa e dramática
A tua situação.
Estando lá dentro,
Queres vir para fora,
E voando cá fora,
Lá dentro, cativo, ficou teu coração.

Não há portões doirados,
Nem gaiolas que preservem da maldade.
O portão por ser portão,
A gaiola por gaiola ser,
Hão de sempre tolher a liberdade.
A menos que aconteça
Ser-se cativo por vontade.

jpv

Advertisements

Autor: mailsparaaminhairma

Desenho ilusões com palavras. Sinto com palavras. Expresso com palavras. Escrevo. Sempre. O resto, ou é amor, ou é a vida a consumir-me! Há tão poucas coisas que valem a pena um momento de vida. Há tão poucas coisas por que morrer. Algumas pessoas. Outras tantas paixões. Umas quantas ilusões. E a escrita. Sempre as palavras... jpvideira https://mailsparaaminhairma.wordpress.com

2 thoughts on “Golden Gate

  1. Cara leitora, muito obrigado pelo seu comentário e pelas palavras de incentivo… quanto à música… imagino sempre que os leitores saboreiam melhor um texto com uma boa banda sonora. Claro que o conceito de “boa” é só meu. Ainda bem que gosta. Cumprimentos. jpv

    Gostar

  2. Em tempos disse-lhe, fazendo minhas as palavras da Poetisa, “Ser poeta é ser mais alto, é ser maior do que os homens”. Este poema mais uma vez nos mostra o grande poeta que é. E, mais uma vez lhe peço não deixe nunca de escrever poesia, porque simplesmente é de uma beleza extraordinária.

    Quero também dizer~lhe, que de uma forma geral, nos presenteia com boa música. Obrigada

    Gostar

Este é um blogue de fruição do texto. De partilha. De crítica construtiva. Nessa linha tudo será aceite. A má disposição e a predisposição para destruir, por favor, deixe do lado de fora da porta.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s