Mails para a minha Irmã

"Era uma vez um jovem vigoroso, com a alma espantada todos os dias com cada dia."

Rapidinhas da Copa – As Esquisitices do Portugal vs EUA

Deixe um comentário

copa brasil 2014 futebolRapidinhas da Copa – As Esquisitices do Portugal vs EUA

O jogo de hoje, entre Portugal e os Estados Unidos esteve repleto de coisas esquisitas.

1 – Ainda antes do jogo começar, tocava o hino dos Estados Unidos, e o seu treinador, Jurgen Klinsman, que é mais alemão que as coisas alemãs, cantou aquele hino a plenos pulmões. É engraçado porque os treinadores de seleções que não são do seu país costumam ficar em silêncio. Já o Klinsman interiorizou o seu papel de tal forma que sabia a letra melhor do que alguns jogadores americanos.

2 – Portugal marcou cedo. Já é esquisito ter marcado. O facto de ter sido cedo deu aquela sensação de desconfiança, Isto começa demasiado bem para acabar bem!

3 – Portugal deve ser a única seleção que até ao momento sofreu um golo de… barriga!

4 – O jogo parecia um daqueles jogos das modalidades esquisitas, tipo o basquete e assim em que se pode pedir desconto de tempo. A humidade era tal que, ao mais pequeno pretexto, os jogadores de ambas as seleções juntavam-se na linha lateral para beber aguinha.

5 – Ao fim de 185 minutos a jogar, Portugal marca, finalmente, um bom golo. Mas é um golo esquisito. É que a nossa seleção está eliminada, não há qualquer hipótese verosímil de passar à próxima fase, o mais certo é, mesmo, ficar em último no grupo, mas este golo cria a cruel esperança de passar caso vença o Gana por vinte e sete a zero e a Alemanha ganhe aos EUA por trinta e dois a um.

6 – Outra coisa esquisita é que a Seleção Portuguesa levou vinte e três jogadores, mas só já tem dezoito disponíveis. Quatro por lesão e um por castigo. Se isto continua assim, o Ti Manel da lavandaria ainda vai jogar a defesa esquerdo!

7 – Por fim, a mais esquisita das esquisitices. O nosso querido CR7 parece ter desapontado a pontaria. Não conseguiu mandar uma bola na direção da baliza e fez mesmo a figura inédita de atirar algumas demasiado vesgas para ser verdade. Talvez aqueles boatos todos de que ele estava lesionado, mas ia jogar ‘só’ a cem por cento, fossem mais do que boatos.

A frase que se vai dizer com mais frequência nos próximos dias é “Enquanto há vida, há esperança!”, mas é importante sermos honestos e desenganarmo-nos. Portugal é a equipa que pior joga neste grupo e uma das piores deste torneio. Merece vir para casa. É uma equipa fisicamente gasta, sem energia, sem disciplina tática, sem capacidade de pressão e com muito pouco rasgo individual. Estamos numa fase de renovação. Pois então renove-se!

jpv

Anúncios

Autor: mailsparaaminhairma

Desenho ilusões com palavras. Sinto com palavras. Expresso com palavras. Escrevo. Sempre. O resto, ou é amor, ou é a vida a consumir-me! Há tão poucas coisas que valem a pena um momento de vida. Há tão poucas coisas por que morrer. Algumas pessoas. Outras tantas paixões. Umas quantas ilusões. E a escrita. Sempre as palavras... jpvideira https://mailsparaaminhairma.wordpress.com

Este é um blogue de fruição do texto. De partilha. De crítica construtiva. Nessa linha tudo será aceite. A má disposição e a predisposição para destruir, por favor, deixe do lado de fora da porta.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s