Mails para a minha Irmã

"Era uma vez um jovem vigoroso, com a alma espantada todos os dias com cada dia."

Curtas do Metro

b63cf-metro-azul

Curtas do Metro

Dois anos a viajar quotidianamente no Metro de Lisboa deram nisto: relatos de episódios ou pormenores da vida subterrânea. Humoradas, trágicas ou, simplesmente, surpreendentes, as “Curtas do Metro” são uma espécie de radiografia da grande urbe.

As Razões do Gato Preto

Violência

Risco e Imprudência

A Senhora Gira

Solidariedade

Elegância Monocromática

Medições

O Legado de Eva

Contradição Vocabular

Um Certo Odor

Reminiscências do Padre Borga

Não Mexas Nisso, Pá!

Incógnita

Lapsus Linguae

Perdida

“Sandui-Chita”

Separados

Passa! Passa!

The F Word

Tentativa de Assassinato por Esmagamento

Nega

Headphones Girl

Assim Não Dá

3 em 1

A Chegada dos Veraneantes

Mamadu

Saciado

Multiculturalidade de Mãos Dadas

Pequeno-Almoço

Está Cá?

Desculpe?

O Balde

O Significado

 

Anúncios

Este é um blogue de fruição do texto. De partilha. De crítica construtiva. Nessa linha tudo será aceite. A má disposição e a predisposição para destruir, por favor, deixe do lado de fora da porta.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s